Você está aqui: Entrada Festas da Madeirã de 2011

Visualizações

Visualizações de conteúdos : 228724

Visitas

mod_vvisit_counterHoje22
mod_vvisit_counterEsta Semana346
mod_vvisit_counterEste Mês1487
mod_vvisit_counterSempre179828
Festas da Madeirã de 2011 PDF Versão para impressão Enviar por E-mail
Escrito por Gracindo Veríssimo   
Domingo, 11 Setembro 2011 23:00

Evento Intermunicipal Inédito nas Festas da Madeirã 2011:

O Convívio dos deslocados por casamento entre casais do Bravo e da Freguesia de Madeirã foi um sucesso.

Estiveram presentes onze casais dos vinte e quatro contabilizados. Por doença de familiares dois deles só no masculino, os outros que faltaram terá sido por motivos de saúde, profissional, motivação ou socialização.

Entre adultos e crianças dos deslocados, familiares e amigos foram mais de uma centena.

A participação dos autarcas ficou pelos Presidentes das Juntas de Freguesia da Madeirã e Pedrógão Pequeno, senhores Isidro Farinha e Manuel Lourenço respectivamente.

Apesar de terem sido convocados os Municípios de Oleiros e Sertã não foram representados, provavelmente os mais altos dignitários autarcas representam os partidos políticos que os colocam lá e não quem os elege.

Sentaram-se connosco à mesa os Presidentes do Grupo dos Amigos da Freguesia de Madeirã senhor José de Almeida, da Casa da Comarca da Sertã senhor Pedro Amaro e os senhores Nuno Barata-Figueira e José Augusto Lopes.

Um bem-haja a todos os presentes em nome da Comissão de Festas. Foi um ano de sonho a pensar no desfecho deste evento.

As convocatórias foram enviadas a todos em 20 de Maio.

No Jornal Povo da Beira de 16 de Agosto na página sete vários autarcas/políticos descrevem a partilha na rede social Facebook. Entre outras frases li a seguinte: Ao mesmo tempo que considera que através do Facebook está mais perto de alguns fregueses que se "encontram" diariamente online, esta é também uma forma de prestar contas "quem é eleito, deve ter permanente a obrigação de prestar contas do que faz e do que não faz; para além dessa questão, há uma postura de transparência que é importante para os eleitores. As redes sociais permitem cumprir plenamente esses desígnios" acrescenta o autarca. Virtual! 

Comissão de Festas:

A maior parte dos elementos da Comissão de Festas com o objectivo da realização de uma grande Festa penalizou: Família, Amigos e o seu bem bom do dia a dia para a organização e recolha de fundos tão necessários para o fim almejado.

São muitos os romeiros que anualmente se deslocam à Madeirã para reverem e conviverem com Familiares e Amigos em torno do Santo Padroeiro: Nosso Senhor Jesus do Vale Terreiro. 

Os vários elementos da Comissão de Festas que fizeram o peditório em Lisboa e arredores com um perímetro desde Vila Franca de Xira, Loures, Cacém, Cascais, Costa da Caparica, etc. agradecem a quantos contribuíram com os seus donativos para o êxito dos quatro dias magníficos na Madeirã: 19, 20, 21 e 22 de Agosto de 2011. No dia principal dos festejos, dia 21, fomos penalizados com uma grande trovoada, quando actuavam os "Amigos da Concertina", se não fosse a falta da luz, ninguém no arraial daria por essa intempérie tal não era a animação dos "artistas" em palco.

Quem estava no recinto, manteve-se, e bem, muitos outros que em suas casas se preparavam para se dirigirem à nossa Festa é que terão tido receio, tal não foi a violenta tempestade que fez disparar vários quadros elétricos.

Nova Comissão:

Nomeação de Nova Comissão: todos os anos uns ficam contentes por serem nomeados e outros tristes pôr não o serem ou porque foram incluídos num grupo diferente do que gostavam. Para evitar isso porque não se organizam grupos que já foram festeiros se sentiram bem e realizados/as, mesmo com algumas alterações, ou grupos novos e se propõem para anos seguintes?!...

Prestação de Contas:

Valeu a pena, foi com enorme esforço que organizamos e preparamos a "nossa" Festa, mas tivemos um saldo positivo de 1.556,68 €.

Este valor é entregue pela Comissão ao Grupo de Amigos da Freguesia de Madeirã, sugerindo que seja devidamente analisada a prioridade da instalação de uma máquina de lavar louça e aquisição de outro material de apoio à cozinha;

Participação na beneficiação do recinto de festas e área envolvente do Pavilhão e Capela;

Manutenção e conservação de instalações e equipamento existente.

Actualizado em Quinta, 17 Novembro 2011 22:07